Mulheres ocupam 47% dos cargos de gerência no mercado de seguros

10.09.2019 - Fonte: Sincor SP

executivas-790x400

A 3ª edição do Estudo sobre as Mulheres no Mercado de Seguros no Brasil, realizado pela Escola Nacional de Seguros, traz dados que indicam uma melhora na representatividade feminina no setor. No entanto, ainda revela a desigualdade salarial entre os gêneros.

“Realmente, ainda temos um longo caminho, mas a simples constatação de que há muitas ações em andamento e que isso se reflete em múltiplos indicadores positivos é uma notícia muito animadora para nós, mulheres do mercado de seguros. As coisas estão mudando, e rápido”, ressalta a diretora de Ensino Técnico da Escola, Maria Helena Monteiro.

Segundo o estudo, que ouviu 23 seguradoras, as mulheres representam 55% do total de colaboradores no mercado de seguros. Em relação aos cargos, os homens ainda seguem na liderança, já que a cada quatro executivos, apenas uma é mulher. Contudo, em termos gerenciais, a proporção é menos relevante, sendo 53% homens e 47% mulheres.

Apesar de mostrar evolução em cargos mais altos, a diferença salarial entre homens e mulheres ainda existe. Em 2018, o salário médio para homens no setor era de R$ 6,3 mil/ mês, enquanto para mulheres o valor ficava em R$ 4,5 mil/ mês. Ou seja, o salário médio das mulheres- é 71% a 72% do valor do salário médio dos homens.

Confira o estudo na íntegra

Notícias Relacionadas